sexta-feira, dezembro 10, 2010

Vidro, vidrilho, Vitral...



"V I T R A L"


Neste domingo, dia 12 de dezembro de 2010, o experimento cênico "Vitral" vai a público pela sua primeira vez. Nós, do TPQÑ?, convidamos a todos a compartilhar essa experiência no Teatro Caixa Preta - Espaço Rozane Cardoso, localizado no Campus da UFSM. Serão realizadas duas sessões, uma às 18:30 e outra às 20:30, com entrada inteiramente franca.


Sinopse

Uma mulher comum e o confronto com uma situação de representação. Neste experimento cênico, as peças de um quebra-cabeça surgem perante o público propondo uma lógica dramática não convencional. A montagem da imagem final, o encaixe de todas as peças, dá-se através do encontro singular entre o infinito da personagem e o infinito de cada espectador.


Montagem

A concepção da peça "Vitral" explora uma lógica dramática focada nas possibilidades advindas da inexistência de uma quarta parede. Pode-se dizer que a trajetória do espetáculo inicia de modo convencional, navega à deriva e encontra ou não um porto. Nada mais cabe-se dizer, a não ser: Presenciem!


Ficha Técnica

Criação e Atuação
Luiza De Rossi

Orientação
Gabriela Amado

Inspiração
Trajetória da personagem do conto “Perdoando Deus”, de Clarice Lispector

Iluminação
Juliet Castaldello

Trilha Sonora e Sonoplastia
Daniela de Oliveira
Fernando Menino
André Eckert

Contra-regragem e Participação especial
André Galarça
Felipe Martinez

Maquiagem
Aline Ribeiro





Até este encontro...

Nenhum comentário:

Postar um comentário