quarta-feira, junho 01, 2011

É dada a largada para o fim da partida

O fim que continua-se

Passaram-se quatro espetáculos da programação do 1º MOSAICO - Mostra Artística Independente do Catálogo Teatro Por Que Não?. Agora, para encerrar essa feira livre, entra em cena o espetáculo que encerra também o jogo. É Fim de Partida, que depois de ter passado por algumas mudanças estéticas e por uma reformulação na interpretação dos atores, teve a experiência de se apresentar no Festival de Curitiba de 2011, e volta a Santa Maria cheio de gás. O espetáculo acontece no sábado, dia 04 de junho, às 20:30, no Espaço Cultural Victório Faccin. Fim de Partida, que tem direção de Luiza de Rossi e é livremente inspirado no texto homônimo de Samuel Beckett, também prepara-se para viajar no mês de agosto, onde circulará pelo estado através de um circuito do SESC em parceria com a Universidade Federal de Santa Maria.

Fim de Partida no Festival de Teatro Independente de Santa Maria, por Gabriela Benhalk

A tentativa de vencer as horas

Em meio a jogos ensaiados que resultam em relações pré-estabelecidas, mas nada previsíveis, enxergam-se figuras de Hamm, Nagg, Nell e Clov. Convivendo com suas deficiências e incapacidades, tais seres perdem-se e encontram-se na devassidão das horas, torturados pelos tic-tacs de um relógio, que talvez nem gire seus ponteiros. Passos que não andam, olhares que não enxergam, orgãos que não respondem mais. Em meio a isso, um pouco de humor e de descontração, impressos em brincadeiras corriqueiras que Clov e Hamm fazem, para que a sofreguidão se esvaia até o esquecimento. Um apito, um cão, uma bolacha e... A minha papa! Ou ainda... O meu caramelo! Assim transcorrem as desventuras dos personagens de Fim de Partida, espetáculo onde o palco é tomado pelo absurdo, a luz é tomada pela sombra, o cenário provoca um efeito de estética da inutilidade, e os homens são (ou não) preenchidos pela escassez de ideais.

Fim de Partida no Festival de Curitiba, por Aline Ribeiro



Tem também para os boêmios

Mais uma edição da promoção a quarta é nossa acontece hoje, no Boteco do Rosário, e nós, integrantes do Teatro Por Que Não?, estaremos presentes, para dar continuidade à divulgação do 1° MOSAICO. A promoção é também da Cerveja Província e funciona assim: ao beber três cervejas Pronvíncia litro, a quarta é por conta da casa! Esperamos todos lá... Vamos promover os encontros!

Por hoje, isso... Estamos nos preparando e trabalhando para dar um bom fechamento ao 1º MOSAICO!
Saudações!




Nenhum comentário:

Postar um comentário