quarta-feira, julho 06, 2011

Pausa para Tchekhov

Na última segunda-feira, dia 4 de julho, aconteceu mais um (pausa dramática) no Boteco do Rosário, onde o frio não foi forte o suficiente para espantar o público que, em cheio, foi até o bar assistir a apresentação.

Num estilo "puxado para o gaudério", Daniel Plá, Daniela Varotto (da Cia. Teatro de Bolso) e Anderson Martins (Teatro Candeia) apresentaram a comédia O Urso de Anton Tchekhov de uma forma muito descontraída. Foram 40 minutos em que o público não desviou os olhos dos artistas cênicos que se encontravam no palco iluminado.

Foto: Nathália Schneider

"Uma viúva, um credor e uma trama que revela a suscetibilidade humana numa hilariante crítica ao comportamento de homens e mulheres". Este é o enredo de O Urso, escrito por Anton Tchekhov no final do século XIX. Uma comédia de costumes que brinca com a guerra dos sexos, ao mesmo tempo que expõe as mazelas de uma sociedade regida por uma moral rígida e repressiva.
Foto: Nathália Schneider

Anton Tchekhov nasceu em 1860, em Taganróg, na Rússia. Em 1879, ingressou na faculdade de medicina da Universidade de Moscou e exerceu a profissão de 1884 a 1897. Ainda durante a faculdade, publicou contos e pequenas narrativas em revistas humorísticas da época. Aos 24 anos, já era um escritor conhecido no meio literário russo e em 1888 ganhou o Prêmio Puchkin.. Como ele mesmo escreveu, “ainda na primeira série, comecei a publicar nas revistas e jornais semanais e esses trabalhos literários assumiram, já no início de 1880, um caráter contínuo e profissional”. Tchekhov também se destacou como dramaturgo, sendo autor de peças até hoje representadas como O jardim das cerejeiras, A gaivota, as Três Irmãs e Tio Vânia.

Foto: Nathália Schneider

Confira agora o vídeo dos atores falando sobre a leitura e sobre o evento (pausa dramática):

Entrevista, imagens e edição: Kareka Ricordi 

(pausa dramática) trata-se de um evento de leituras livres de textos teatrais, realizado pela parceria entre Teatro Por Que Não? e Boteco do Rosário, com apoio do Macondo Coletivo. As leituras acontecem quinzenalmente, sempre às segundas-feiras, no Boteco do Rosário (Rua do Rosário, 400), às 20h, com entrada franca! É só aparecer e apreciar! A cada edição do (pausa dramática), um grupo diferente será convidado, tendo a liberdade de escolher qual a leitura que quer fazer. Se você quiser participar, entre em contato conosco!

Abraços e até logo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário