quinta-feira, agosto 20, 2015

Ora, pois! Invasão lusitana em Santa Maria!

Mas que ano com cheiro de vinho do Porto e som de fado, hein?! Os portugueses estão com tudo por aqui!

Depois de uma temporada da Cia. João Garcia Miguel de Lisboa por aqui com o espetáculo Yerma, agora é a vez do Chão de Oliva, de Sintra, pisar em terras santa-marienses. 

O espetáculo da vez é E a Cabeça Tem de Ficar?, a 66ª criação da Companhia de Teatro de Sintra e é inspirada em textos do dramaturgo alemão Karl Valentin. Já foi apresentado no MOSAICO em 2013 e para você que não pôde assistir naquele ano, terá mais uma DUAS chances de assistir! 




Sinopse
“E a cabeça tem de ficar?”, é um espectáculo construído com base em alguns (dos pequenos) textos de Karl Valentin (1882-1948), autor e intérprete alemão, considerado um dos fundadores do café-teatro e integrado pelos historiadores no teatro do absurdo. Não se trata de uma peça no sentido tradicional, mas uma colagem articulada de pequenas peças, onde, a partir de banalidades, e num crescente somatório de complicações, se parodia o viver do dia-a-dia. Trata-se de um espectáculo cómico que a principio se estranha, mas que se vai entranhando na medida em que se desdobra, não através da piada fácil, ou de sketches brejeiros, mas através do que muitos consideram o segredo de todo o humor profundo: aquele que nos leva a rir de nós próprios, enquanto imaginamos que estamos a rir do que se passa no palco.

Foto: Eduardo Ramos

Ficha Técnica
Encenação: João de Mello Alvim - Interpretação: Alexandra Diogo e Nuno Machado -Dramaturgia: Manuel Sanches - Investigação e Organização Documental: Carla Dias - Assistente do Encenador: João Mais - Direcção Musical: André Rabaça - Interpretação Musical: Isabel Moreira (piano) e Samuel Matias (saxofone) - Desenho de Luz: André Rabaça - Cenografia: Compª Teatro de Sintra - Figurinos: Compª Teatro de Sintra - Costureira: Adélia Canelas - Fotografia e Design Gráfico: André Rabaça - Direcção de Produção: Nuno Correia Pinto - Assistente Produção: Nuno Machado - Secretária de Direcção e Produção: Cristina Costa - Direcção Técnica: André Rabaça - Técnico Auxiliar: Pedro Tomé - Duração: 65 minutos - Classificação: 12 anos.

Foto: Eduardo Ramos

Com o apoio do Hotel Umberto, Restaurantes Augusto, Babette by Denise, Vera Cruz, Latino América Comunicação e o Espaço Cultural Victorio Faccin, o espetáculo passará por uma mini temporada, tendo duas apresentações, bem no comecinho de setembro, garantindo o mês da primavera com deliciosas risadas e bom humor.


Gostou, não é?

Então anota na agenda:

E A CABEÇA TEM DE FICAR?
04 e 05 de setembro de 2015 às 20h30
no Espaço Cultural Victorio Faccin (Rua Duque de Caxias, 380 - Rosário)
R$ 20,00 (geral) - R$ 10,00 (estudantes e idosos)


Os ingressos já estão à venda no Espaço Cultural Victorio Faccin, de segunda à sexta das 9h às 12h e das 14h às 18h. 

Garanta o seu e até mais!

Foto: Eduardo Ramos

VOCÊ SABIA?

Eles não comentam muito, mas os atores dessa peça - Alexandra Diogo e Nuno Machado - são dubladores oficiais (Sandy e Lula Molusco) do desenho animado "Bob Esponja" para a criançada portuguesa.... hehehe, só não diga que eu falei isso para vocês... 

Tá, desculpa... não falo mais nada!

Nenhum comentário:

Postar um comentário