Teatro Por Que Não?: Aconteceu no Espaço

terça-feira, junho 27, 2017

Aconteceu no Espaço

Última semana de junho agitada aqui no Espaço, só dá uma olhada:

O Culto Afro no EM CARTAZ 2017

Rozan e sua banda deram um show nos palcos do Espaço Cultural Victorio Faccin na última sexta-feira, dia 23 de junho, relatando os percalços de ser negro no estado do Rio Grande do Sul. 

Foto: Anderson Martins

“Eu achei muito massa, nunca tinha visto nada do Rozan, achei que ele canta super bem, eu achei que ele interpreta, ele representa, ele tem imagens no espetáculo. Para mim foi mais pro lado do show, né? Porque tinha a banda no fundo e cantava várias músicas e tal... Eu fiquei com vontade de levantar e dançar, eu queria tá num bar na verdade e ouvindo aquelas músicas porque foi muito empolgante. Talvez uma coisinha técnica que não tenha escutado muito bem as letras, mas fiquei super curiosa em ouvir um CD dele, ler as letras porque o conteúdo do espetáculo é muito importante, é muito urgente, muito bonita a maneira como ele expõe e eu quero que espetáculo rode muito, porque tem muita gente que tem que ouvir, que tem que assistir, que tem que perceber como é lindo... é isso aí, vida longa ao espetáculo e que pegue muita estrada.” – Luiza De Rossi, atriz
Através de letras das músicas, ele falou sobre a massacrante imposição dos brancos sobre os negros, os padrões que não os representam e o combate diário para enfrentar e tomar posição quanto a isso. 

Foto: Anderson Martins

“Achei muito bom, muito interessante. Gostei muito das composições que estão no espetáculo, que são feitas por ele, porque traz a cultura negra, especificamente a cultura negra do Rio Grande do Sul, ele trata do Negrinho do Pastoreio, nas canções ali, na história que ele tá contando. Ele mostra como foi o sofrimento do negro, a imposição do branco sobre o negro, inclusive tem uma parte bem interessante do início onde ele fala de ser branco, onde ele tá com os olhos cobertos e tem arames na cabeça... aquilo é bem forte, é bem significativo. Também a utilização de um bumbo leguero, que é algo bem regional, bem típico... achei realmente bem interessante o trabalho, tenho vontade de assistir novamente porque eu acredito que ele vai evoluir com o tempo, esse trabalho.” – Marcele Nascimento, atriz

Foto: Anderson Martins

Mas não ficou só por isso. No dia 26, na segunda-feira, ele deu a oficina O Lundu-dança na construção cênica, botando a galera para mexer os esqueletos!

Turma reunida com Rozan, no final do workshop

Final de semestre do Curso de Teatro

No nosso sábado (24) e domingo (25), tivemos o encerramento dos Módulos I e II do nosso Curso de Teatro. A galerinha mandou bem, se divertiram pra caramba e a gente aqui do Por Que Não? ficou que nem os parentes que veem o boletim tudo com nota boa no final do mês – orgulhosíssimos!

Módulo I em cima e Módulo II embaixo com amigos e parentes que vieram ver

Quer saber qual é o próximo evento do EM CARTAZ 2017? Clique aqui!

Quer participar do nosso Curso de Teatro? Em breve... (semana que vem!) Fique ligadinho que as turmas, horários e valores serão divulgados aqui no nosso amado blog!

Até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário