quinta-feira, julho 27, 2017

A palavra é...

ENSAIO (en.sai.o)

Ensaio do "Amores aos Montes" sob o olhar atento do Amadeus

É cada encontro com os artistas e técnicos para a elaboração de um espetáculo. É nele onde as ideias saem do papel e começam a ser experimentadas – seja na atuação dos atores, no teste de cores de figurino, etc. etc. etc. Normalmente é orientado pelo diretor, e até mesmo junto com o seu assistente. Conforme vai avançando ao resultado final, também há presença dos demais técnicos – cenógrafo, sonoplasta, iluminador. Possui variações:

ENSAIO DE MESA é o ensaio realizado com a leitura do texto, sem executar as cenas de fato. Também é utilizado para a coordenação técnica com os atores, um espaço para discussão sobre o espetáculo e o cronograma de atividades. Normalmente é realizado logo no início do processo, para orientar os futuros encontros; 

ENSAIO DE MARCAÇÃO é o ensaio mais técnico, onde o foco são entradas, saídas, movimentos do ator pelo espaço cênico, até mesmo, se for o caso, para cenas que exijam maior cuidado, como brigas, por exemplo;

- ENSAIO GERAL é o último ensaio antes da apresentação. É como se fosse uma pré-estreia, onde o espetáculo é passado do jeito que ele deve ser levado ao público. É o momento para pequenos ajustes, cuidando de alguns imprevistos que poderão acontecer. 

Utilização em uma frase:
“Não posso ir hoje, tenho ensaio”

Fonte: Dicionário de Teatro - Luiz Paulo Vasconcelos

4 comentários:

  1. Muito útil! Adorei! Bora pro ensaio!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que tu curtiu!!!

      Já é, partiu ensaio!

      Bjoooooo

      Excluir
  2. AMADEUS DE PLATÈIA!!!!Rssss....ADOREI!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha... Sempre! Toda vez que ensaiamos Amores aos Montes ele nos assiste sentadito, como se tivesse analisando, vendo se a gente tá fazendo tudo certinho... Hehehehehehe

      Bjooooo

      Excluir